Portuguese Jewellery shaped with Love -

Portuguese Jewellery curated by AORP

  • RM-02

International Shows

Portuguese Jewellery Roadmap \ International Fairs

O legado português regressa à estrada da internacionalização, traçando novas rotas e apontando a bússola para coordenadas cada vez mais ambiciosas.

O primeiro destino é também um dos mais relevantes mercados-alvo na estratégia de internacionalização da joalharia portuguesa. De 6 a 9 de setembro, as marcas nacionais viajam até Paris para participar na Bijorhca e Who’s Next. Considerada uma das mais importantes feiras de joalharia contemporânea da Europa, a Bijorhca Paris reúne 350 expositores, atraindo mais de 12.000 visitantes, entre os quais 56% provenientes de cerca de 25 países. Esta é a aposta de

AstorgaBruno da RochaCoquineElza PereiraInnamorataTânia Gil e Wings of Feeling. Partilhando o mesmo centro de exposições, a Who’s Next afirma-se como um dos mais reputados eventos internacionais de moda para profissionais, reunindo mais de 50.000 visitantes de toda a Europa. Aqui, as cores nacionais estão representadas pela HLC Jewellery.

Também em Paris, decorre de 6 a 10 de setembro, a Maison et Objet, onde estará presente a Flamingo, que parte depois para a Homi, em Milão, de 13 a 16 de setembro.

Como é tradição, decorre quase em simultâneo, a VicenzaOro, uma feira de grande prestígio e que atrai compradores de toda a Europa à cidade italiana. A acontecer de 7 a 11 de setembro, esta edição terá como tema em foco a sustentabilidade, promovendo um debate com especialistas do mundo da moda, jornalistas internacionais, representantes institucionais e marcas de joalharia em torno das melhores práticas para a implementação de uma cultura de sustentabilidade no setor. A presença portuguesa será a mais representativa até ao momento, com A. J. AmorimFlamingoGaleirasLuísa RosasStyliano e Portvs.

A jornada europeia continua depois em Madrid, de 12 a 15 de setembro. Mais uma vez, a capital espanhola acolhe a MadridJoya em simultâneo com a Bisutex, com presença confirmada de Our Sins e Ourobrilho. Em conjunto, as feiras vizinhas concentram mais de 550 expositores, tornando-se num fórum de novidades e tendências.

 

Segue-se outra presença quase “obrigatória” para as joias nacionais com vocação internacional: Hong Kong continua a ocupar os lugares cimeiros das exportações e, sobretudo, das ambições nacionais e isso reflete-se numa presença consistente na Hong Kong Jewellery & Gem Fair, que acontece de 18 a 22 de setembro. No “Pavilhão Portugal” estarão presentes quatro marcas portuguesas:  Dos Santos Fine JewelleryGaleirasJ. Soares Joalheiros e Portvs.

 

Depois de uma breve pausa, o calendário das joias portuguesas retoma de 7 a 10 de novembro, em Amesterdão. A SIERAAD tem-se convertido numa enorme montra da joalharia contemporânea e de autor, reunindo 160 criadores de todo o mundo, aos quais se juntam os portugueses Bruno da RochaMater Jewellery Tales, PATZI e Sopro Jewellery.

Para o final da viagem, está reservada uma novidade: a estreia na VicenzaOro Dubai, entre 13 e 16 de novembro. A experiente organização da feira italiana promove na “Cidade do Ouro” mais uma edição do evento vocacionado para fine jewellery e marcas de alcance global.

Share / Partilhar: